Barreira de protecção

Foi desenvolvido um grande n√ļmero de elementos de seguran√ßa para as estradas, seja para delimitar a estrada, contribuir para a sua visibilidade ou reduzir os impactos. Entre estas medidas, podemos encontrar a barreira de protec√ß√£o. Este elemento √© colocado em ambos os lados da estrada, especialmente nos tro√ßos mais perigosos, com o objectivo de evitar que os ve√≠culos colidam com outros elementos ou saiam da faixa de rodagem.

o que é uma barreira de protecção?

Uma barreira de protec√ß√£o rodovi√°ria, tamb√©m conhecida como pilarete, guarda-corpo ou sistema de reten√ß√£o, √© um elemento de protec√ß√£o  para seguran√ßa rodovi√°ria passiva que √© instalado como medida de delimita√ß√£o do tr√°fego em sentido contr√°rio ou como barreira para evitar que os autom√≥veis saiam da estrada em tro√ßos considerados mais perigosos. 

Composição

√Č de import√Ęnciavital que todas as barreiras de protec√ß√£o sejam feitas de materiais de alta resist√™ncia, tais como uma combina√ß√£o de metais, predominantemente zinco e a√ßo. Estes dois componentes proporcionam rigidez e durabilidade, permitindo, ao mesmo tempo, um certo grau de deforma√ß√£o em caso de impacto, o que lhes permite absorver os choques. Al√©m disso, a fim de contribuir para a sua visibilidade, incorporam frequentemente elementos reflectores

Têm um comprimento normalizado de 7,65 metros.

Ensaios de validação das barreiras de protecção

Dada a import√Ęncia destes elementos de seguran√ßa, √© necess√°rio que as barreiras de protec√ß√£o sejam submetidas a determinados protocolos de valida√ß√£o para obterem a "marca√ß√£o CE", que permitir√° a sua instala√ß√£o nas estradas. Uma vez aprovada a sua concep√ß√£o e os materiais a utilizar no seu fabrico, s√£o efectuados testes de colis√£o reais segundo diversas normas: alternam-se os modelos de ve√≠culos e as suas massas, velocidades, √Ęngulos e pontos de impacto, etc. 

Para que estes sistemas de retenção sejam aprovados nos ensaios, devem ser tidos em conta três aspectos

  • a adequa√ß√£o ao terreno,
  • os danos poss√≠veis para os passageiros,
  • e a traject√≥ria do ve√≠culo ap√≥s o impacto, uma vez que a barreira deve ser capaz de redireccionar o autom√≥vel para evitar colis√Ķes posteriores.

Modelos de barreiras de protecção contra choques

Embora as barreiras de protec√ß√£o tenham evolu√≠do constantemente desde a sua primeira utiliza√ß√£o, com o objectivo de garantir a m√°xima seguran√ßa aos condutores de ve√≠culos e motociclos de todas as dimens√Ķes, podem actualmente ser classificadas em tr√™s tipos principais:

  • Barreiras de protec√ß√£o flex√≠veis: s√£o constitu√≠das por cabos de a√ßo, que permitem uma maior absor√ß√£o dos impactos.
  • Barreiras de protec√ß√£osemi-r√≠gidas: s√£o as mais comuns. S√£o constitu√≠das por barras met√°licas montadas em postes. 
  • Barreiras de protec√ß√£or√≠gidas: s√£o o tipo mais seguro. S√£o constitu√≠das por uma bionda dupla e borracha reciclada. 

Renting de carros

Ele estreia seu carro sem preocupa√ß√Ķes e adaptando -o a voc√™